Produtos /Bombas Centrífugas

Bombas centrífugas - Hidroflux

As bombas centrífugas Hidroflux foram desenvolvidas visando aplicações não atendidas por bombas d’água convencionais, como o bombeamento de produtos químicos e industriais agressivos e/ou abrasivos de baixa viscosidade, sendo especialmente indicadas para o descarregamento de caminhões, pois possibilitam o esvaziamento total do tanque sem queimar ou danificar se operadas a seco por breves períodos, diferentemente de bombas centrífugas com selo mecânico.

Bomba Centrífuga

As bombas centrífugas Hidroflux são do tipo monobloco com selagem hidrodinâmica (HIDROFLUX-HD) ou vedação por selo hidromecânico (HIDROFLUX-HM). A selagem hidrodinâmica garante ausência de vazamentos durante o funcionamento da bomba, operação com mínimos desgastes e baixos índices de manutenção, enquanto o selo hidromecânico - patente requerida - oferece todos esses benefícios mais a estanqueidade com a bomba desligada.

Bomba Centrífuga

Rotor com selagem hidrodinâmica e selo hidromecânico (patenteado):

Bomba Centrífuga

O rotor centrífugo das bombas Hidroflux apresentam como diferencial, em relação às bombas centrífugas convencionais, a presença de palhetas em sua parte frontal, destinadas ao efetivo bombeamento do líquido, e um contra-rotor na parte posterior da mesma peça, com função de coletar o líquido que normalmente vazaria pelo orifício de passagem do eixo que gira o rotor. O líquido coletado é bombeado novamente para a voluta da bomba, evitando a ocorrência de vazamentos durante seu funcionamento.

Esse sistema é chamado de selagem hidrodinâmica e, como mencionado, atua somente com a bomba ligada, motivo pelo qual é importante se observar as formas de instalação recomendadas pela GRABE a fim de se obter os resultados desejados. A grande vantagem desse sistema é que, devido à sua concepção simplificada, permite o funcionamento das bombas HIDROFLUX-HD (selagem hidrodinâmica) sem componentes sob atrito, proporcionando mínimos desgastes e baixos índices de manutenção.

A fim de complementar o sistema de selagem hidrodinâmica, a GRABE desenvolveu o selo hidromecânico de face retrátil (patente requerida), presente nas bombas HIDROFLUX-HM (selagem hidromecânica). Esse selo recua por ação de um atuador centrífugo que atua somente com a bomba em funcionamento, de forma a permanecer vedado com a bomba desligada. Essa configuração permite a operação a seco por breves períodos sem danos e evita o atrito entre as faces de vedação e o consequente aquecimento e desgaste das mesmas. Dessa forma, as bombas HIDROFLUX-HM somam as vantagens das bombas HIDROFLUX-HD com a garantia de estanqueidade com a bomba desligada.

Características técnicas:

  • • Vazões máximas de 50 m³/h.
  • • Contra-pressões máximas de 70 m.c.l.
  • • Posição de montagem vertical, com o motor voltado para cima.
  • • Disponíveis em materiais plásticos (polipropileno, polietileno ou Teflon®).
  • • Selagem hidrodinâmica (sem selo mecânico) ou hidromecânica (selo hidromecânico de face retrátil - patente requerida).

Opcionais (mediante solicitação):

  • • Sistema auto-escorvante
  • • Tanque pulmão

Aplicações:

  • • Bombeamento de produtos químicos em geral de baixa viscosidade (soda cáustica, sulfatos, cloretos, hipoclorito de sódio, leite de cal, etc.)
  • • Bombeamento de produtos corrosivos e/ou abrasivos (banhos galvânicos, etc.)
  • • Processos de recirculação (torres de resfriamento, lavadores de gases, banhos galvânicos, etc.)
  • • Esgotamento de caixas de coleta de águas servidas (sump)
  • • Esvaziamento de diques de contenção
  • • Descarregamento de caminhões

Formas de instalação Hidroflux-HD:

Bomba Centrífuga

Bomba instalada acima do nível do líquido: O tubo de sucção possui uma válvula de pé para manter o rotor da bomba afogado (carcaça cheia de líquido). Para a primeira partida e após longas paradas, a bomba precisará ser abastecida por uma fonte de alimentação de água.

Bomba Centrífuga

Bomba instalada externamente e acima do nível do líquido: O tubo de sucção encontra-se instalado na base do reservatório e possui uma válvula de retenção para manter o rotor da bomba afogado (carcaça cheia de líquido). Para a primeira partida e após longas paradas, a bomba precisará ser abastecida por uma fonte de alimentação de água.

Bomba Centrífuga

Bomba instalada acima do nível do líquido com sistema auto-escorvante GRABE: Este sistema permite a operação da bomba com sucção a seco de até 4 metros e elimina a necessidade de válvulas de pé ou retenção. Se necessário, poderá ser fornecido tanque pulmão na descarga para realimentação do tanque escorvador. A válvula selenoide instalada acima do tanque escorvador deve ser acionada em paralelo ao acionamento do motor.

Bomba Centrífuga

Bomba instalada em condição afogada para processo de recirculação (nível constante do reservatório): Instalar a bomba de forma que o rotor fique permanentemente afogado (dreno alinhado com o nível de líquido), dispensando escorva ou manuseio de válvulas para a partida.

Bomba Centrífuga

Bomba instalada com acionamento e desligamento automatizados por sensores de nível: Instalar a bomba de forma que o rotor fique afogado (dreno alinhado com o nível de líquido) no momento da partida. Essa configuração permite que a bomba opere automaticamente, sendo acionada quando o tanque atingir seu nível máximo, de forma a garantir o rotor escorvado na partida, e desligada antes do término de líquido no reservatório, de forma a evitar a operação contínua a seco. O sensor de nível máximo deve ser instalado alinhado ao dreno.

Formas de instalação Hidroflux-HM:

Bomba Centrífuga

Bomba instalada com desligamento automatizado por sensor de nível e partida pelo operador: Instalar a bomba de forma que o rotor fique afogado (carcaça cheia de líquido) no momento da partida. Essa configuração permite o acionamento da bomba pelo operador e o desligamento automático antes do término de líquido no reservatório, de forma a evitar a operação contínua a seco.

Bomba Centrífuga

Bomba instalada com acionamento e desligamento automatizados por sensores de nível: Instalar a bomba de forma que o rotor fique afogado (carcaça cheia de líquido) no momento da partida. Essa configuração permite que a bomba opere automaticamente, sendo acionada quando o tanque atingir seu nível máximo, de forma a garantir o rotor escorvado na partida, e desligada antes do término de líquido no reservatório, de forma a evitar a operação contínua a seco.

Bomba Centrífuga

Bomba instalada na parte intermediária do reservatório com acionamento e desligamento automatizados por sensor de nível: Instalar a bomba de forma que o rotor fique afogado (carcaça cheia de líquido) no momento da partida e o tubo de sucção na parte itermediária do reservatório. Essa configuração permite que a bomba opere automaticamente, sendo acionada quando o tanque atingir seu nível máximo, de forma a garantir o rotor escorvado na partida, e desligada antes do término de líquido no reservatório, de forma a evitar a operação contínua a seco.

Bomba Centrífuga

Bomba instalada em condição afogada para processo de recirculação (nível constante do reservatório): Instalar a bomba de forma que o rotor fique permanentemente afogado, dispensando escorva ou manuseio de válvulas para a partida.