Produtos /Bombas Centrífugas

Bombas centrífugas - Saniflux

Bombas

As bombas centrífugas Saniflux foram desenvolvidas visando aplicações não atendidas por bombas centrífugas convencionais, como o bombeamento de produtos químicos e industriais de baixa viscosidade, levemente agressivos e/ou com temperaturas mais elevadas (até 120°C), uso sanitário em indústrias de alimentos, bebidas, farmacêuticas e cosméticas ou situações não atendidas por bombas de material termoplástico. As bombas centrífugas Saniflux são do tipo monobloco com vedação por selo mecânico simples (refrigeração pelo próprio líquido bombeado).

Características técnicas:

  • • Vazões máximas de 50 m³/h.
  • • Alturas de descarga máximas de 70 m.c.l.
  • • Disponíveis em material metálico (aço inoxidável).
  • • Posição de montagem horizontal.
  • • Velocidade máxima na linha de sucção de 2 m/s.
  • • Selagem mecânica simples (refrigeração pelo próprio líquido bombeado).
  • • Opções com capa de proteção para motor elétrico em inox polido, adequada para fábricas de produtos alimentícios (mediante solicitação).

Opcionais (mediante solicitação):

  • • Bocais de sucção e descarga tipo rosca BSP/NPT
  • • Flange ANSI/DIN
  • • Rosca sanitária SMS
  • • TC (clamp sanitário)

Aplicações:

  • • Bombeamento de produtos químicos em geral de baixa viscosidade (soda cáustica, sulfatos, cloretos, hipoclorito de sódio, leite de cal, etc.)
  • • Bombeamento de produtos com temperaturas elevadas (até 120°C)
  • • Bombeamento de produtos alimentícios (sucos, destilados, vinho, cerveja, refrigerante, leite, água mineral, óleos vegetais, chocolate, etc.)
  • • Bombeamento de produtos cosméticos e farmacêuticos (perfumes, colônias, loções, etc.)

Formas de instalação:

Bomba Centrífuga

Bomba instalada com desligamento automatizado por sensor de nível e partida pelo operador: Instalar a bomba de forma que o rotor fique afogado (carcaça cheia de líquido) no momento da partida. Essa configuração permite o acionamento da bomba por um operador e o desligamento automático antes do término de líquido no reservatório, de forma a evitar a operação a seco (não admissível).

Bomba Centrífuga

Bomba instalada com acionamento e desligamento automatizados por sensores de nível: Instalar a bomba de forma que o rotor fique afogado (carcaça cheia de líquido) no momento da partida. Essa configuração permite que a bomba opere automaticamente, sendo acionada quando o tanque atingir seu nível máximo, de forma a garantir o rotor escorvado na partida, e desligada antes do término de líquido no reservatório, de forma a evitar a operação a seco (não admissível).

Bomba Centrífuga

Bomba instalada na parte intermediária do reservatório com desligamento automatizado por sensor de nível: Instalar a bomba de forma que o rotor fique afogado (carcaça cheia de líquido) no momento da partida e o tubo de sucção na parte intermediária do reservatório. Essa configuração permite que a bomba opere automaticamente, sendo acionada quando o tanque atingir seu nível máximo, de forma a garantir o rotor escorvado na partida, e desligada antes do término de líquido no reservatório, de forma a evitar a operação contínua a seco (não admissível).

Bomba Centrífuga

Bomba instalada na condição aspirante (sucção negativa) com acionamento e desligamento automatizados por sensores de nível: A tubulação da sucção deverá apresentar uma válvula de pé na extremidade para que no momento da partida a bomba e a tubulação estejam escorvadas. Recomenda-se uma tomada de líquido para tornar fácil o escorvamento após longas paradas ou sempre que necessário ao operador. Esse sistema não funciona se o ponto de descarga estiver abaixo do nível do reservatório de sucção, ocorrendo sifonamento (escoamento aleatório do líquido pela alão da gravidade). Para o correto funcionamento da bomba nessa condição, considerar velociade máxima na linha de sucção de 2m/s.

Bomba Centrífuga

Bomba instalada em condição afogada para processo de recirculação (nível constante do reservatório): Instalar a bomba de forma que o rotor fique permanentemente afogado, dispensando escorva ou manuseio de válvulas para a partida.