• AERADORES MECÂNICOS GRABE
    Otimize sua E.T.E biológica ou lagoa de criação.
    Aeração é a solução.

    icon

AERADORES

O aerador mecânico FLUXOAR-FD é aplicados para promover a aeração de massas líquidas, principalmente águas ou efluentes industriais, visando-se oxigenar estas soluções.


Por serem aeradores mecânicos superfíciais, normalmente são fornecidos com flutuadores (operam boiando sobre a solução a se oxigenada), ou com suporte para fixação superior ou na bordas de tanques. Oferecem uma reposição forçada de oxigênio em culturas de microorganismos oxidantes de material orgânico, ou para a criação de animais aquáticos. Ao mesmo tempo, propiciam uma efetiva agitação da massa líquida, promovendo uma eficiente homogeneização do ar incorporado.


AERADORES INDUSTRIAIS

Aerador de fluxo axial descendente. Tem como diferencial principal o projeto exclusivo do conjunto indutor, que permite a passagem do ar pelas palhetas do rotor de impulsão ANTES de ser introduzido ao meio líquido. A alta rotação aplicada ao rotor, aliada a seu efeito cortante, permite uma geração de micro-bolhas de ar, o que retarda a ascensão das mesmas e melhora sensivelmente a absorção do ar dissolvido.


  • Larga aplicação ETEs biológicas (estações de tratamento de efluentes orgânicos).
  • Tratamento de efluentes sanitários ou urbanos.
  • Tratamento de efluentes de curtumes, indústrias de papel e celulose, industrias alimentícias, de leite e derivados.
  • Introdução de oxigênio (ar) em quaisquer processos metabólicos de micro-organismos de águas pluviais ou efluentes industriais.

        


AERADORES PARA PISCICULTURA / AQUICULTURA (AERADOR CHAFARIZ)

Aerador de fluxo axial ascendente, gera um fluxo em forma de “leque circular”, garantindo grande área de contato entre a água e o ar ambiente (ótima capacidade de oxigenação). Diferente de aeradores chafariz convencionais, capta a água em nível um levemente mais profundo, porém sem movimentar o lodo decantado, proporcionando assim uma “quebra” da diferença de temperatura entre a “água de fundo” e a “água de superfície” (torna a temperatura mais homogênea), o que estimula a movimentação dos animais e otimiza sua taxa de crescimento, tornando a criação mais saudável e produtiva (maior lucratividade). Tem como diferenciais principais o ótimo custo/benefício, construção totalmente a prova de corrosão (polipropileno + parafusos inox), operação bastante silenciosa, simplicidade de instalação, e assistência técnica permanente.


  • Lagoas de criação de peixes em geral, onde se exija aeração suplementar à obtida por processos naturais.
  • Vasta aplicação em criações de peixes em “cativeiro” (lago com “tanques-rede”, tanques artificiais, ou criação convencional semi-intensiva e intensiva).
  • Criações de camarões, caramujos e outros animais aquáticos.